quarta-feira, 5 de junho de 2013

Próteses, cadeiras de rodas e muletas gratuitas na Pestalozzi de Niterói

Equipamentos serão doados a pacientes do Estado do Rio de Janeiro e folders explicativos sobre o programa social serão enviados para as prefeituras de diversas regiões

Os moradores do Estado do Rio de Janeiro que precisam de próteses, cadeiras de rodas ou muletas poderão receber o equipamento gratuitamente. Os equipamentos produzidos pela Oficina de Órtese e Prótese da Pestalozzi de Niterói serão doados para moradores do município, cidades da Região dos Lagos, Serrana, Metropolitana, Baixada Litorânea e Norte Fluminense.

A instituição é credenciada pelo Ministério da Saúde para a confecção e entrega de próteses (membro superior e inferior) e órteses (calhas, coletes e palmilhas). Também são fornecidos meios de locomoção como, cadeiras de rodas, andadores, muletas e cadeiras de banho, além de calçados anatômicos.

“Estamos iniciando no mês de junho uma campanha focada nas prefeituras destas cidades que receberão uma carta e um folder explicativo do programa. Com a mudança de governo em algumas prefeituras, notamos ser necessário levar ao conhecimento dos novos gestores este tipo de programa”, explica Lizair Guarino, presidente da Pestalozzi de Niterói, lembrando que a instituição foi convidada pelo Governo Federal para integrar o Programa Viver Sem Limites, que é uma ampla campanha em todos os níveis governamentais para ampliar o direito à saúde, à educação e à cidadania da pessoa com deficiência.

“Queremos com esta campanha, junto às prefeituras, sensibilizar a administração pública sobre o programa que tem um importante alcance social, já que dá cidadania e dignidade a muita gente”, explica Ana Paula Ferreira, coordenadora da Oficina.

Ela lembra que cidades como Rio das Ostras, por exemplo, participam ativamente, enviando até a Pestalozzi os pacientes para tirar as medidas da órtese ou prótese que necessita e depois o trabalho de adaptação do paciente ao equipamento. Em outras cidades, como Casimiro de Abreu, a Prefeitura solicitou à equipe da Pestalozzi para a realização de avaliação dos pacientes. “Esta iniciativa simples possibilitou a entrega de uma série de equipamentos, para crianças e adultos com deficiência. Estamos abertos a qualquer tipo de parceria, o importante é fazer com que os equipamentos cheguem às pessoas que necessitam deles e que podem ampliar e muito a sua qualidade de vida a partir do recebimento de uma prótese ou órtese”, acrescenta Ana Paula.

Cadastro para solicitar equipamentos- Os documentos necessários para a solicitação do equipamento são o encaminhamento de rede pública com solicitação médica para avaliação do setor de órtese e prótese mencionando o equipamento(s) necessário e o diagnóstico do paciente, cópia da carteira de identidade, CPF, cartão SUS (se tiver) e comprovante de residência. Se o paciente for menor de idade, é necessária a certidão de nascimento.

A Oficina de Órtese e Prótese e Meios de Locomoção fica na Associação Pestalozzi de Niterói (Estrada Caetano Monteiro, 857, em Pendotiba). Informações pelo telefone 2616-3311. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira das 9h às 17h.

Fonte: http://www.ofluminense.com.br/editorias/cidades/proteses-cadeiras-de-rodas-ou-muletas-gratuitas-na-pestalozzi-de-niteroi
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário